bugslife

Mitos dos Testes Exploratórios

Os testes exploratórios são um tipo de teste onde são usados seus skilss, conhecimento e experiência como premissa para os testes. É portanto um teste baseado em experiência.

  • Com eles você descobre novas informações em caminhos que possivelmente ainda não explorados. Você pode usá-los para encontrar bugs que outras técnicas não cobrem.
  • Testes Exploratórios não são lineares, ou seja, com eles eu devo procurar novos caminhos para executar entradas e saídas variadas. – Para que você entenda melhor, se eu crio um checklist de problemas que eu encontrei no passado e verifico isto novamente, isto é uma abordagem linear.

A seguir vamos falar sobre alguns mitos dos Testes Exploratórios.

Continuar lendo

lean-software-development

Lean Software Testing: 2. Lean Software Development

Agora que já foi falado brevemente sobre as raízes do Lean no post anterior, vamos falar sobre Lean Software Development e, para tal, tomei a liberdade de ler e fazer um resumo do conteúdo que li no Livro “Lean Software Develpment: An Agile Toolkit” de Mary Poppendieck e Tom Poppendieck. Espero que gostem!

Continuar lendo

images (2)

Gestão de defeitos no github

Segundo Rex Black, presidente do ASTQB (American Standards Testing and Quality Board), Fundador da empresa RBCS Consultants e autor de vários livros na área, risco é a possibilidade negativa de um evento ou saída indesejada. Um risco em específico é qualquer problema que pode ocorrer e diminuir as percepções do cliente ou usuários em termos da qualidade do produto ou do sucesso do cliente. Mas e como fazemos um paralelo do Lean, Riscos e Gestão de Defeitos de uma forma prática?

Continuar lendo

Quality Assurance vs. Quality Control

Na área de Qualidade de Software algumas mudanças estão ocorrendo relacionadas ao papel das pessoas que “cuidam” para que tudo esteja funcionando de acordo com as expectativas dos usuários. A missão é a mesma, mas a tarefa mudou um pouquinho de acordo com o tempo e as últimas alterações de metodologias e de pensamento.

O que antes era “testar no final” ditou por muito tempo as regras e foi considerado tarefas de Quality Control mas, agora mudou! As empresas não estão mais interessadas em chegar na ponta com defeitos de produção e entrar no famoso ciclo constrói/testa/conserta/re-testa, querem fazer certo desde o primeiro momento! E isso é bom, nos traz uma infinidade de possibilidades em como atuar em todo o flow de desenvolvimento do software.

Continuar lendo

Papo de Menina: Hangout with Testers Girls!!

Nesta Terça, 15 de Dezembro das 21:00 as 22:00 vai acontecer o Hangout With Testers 2.0 – Papo de Meninas promovido pelo GUTS-RS!

Segue o convite!

ehnois1.gif

Também aproveito e convido às girls aqui de Floripa para participarem do “Anitas“, um movimento aqui de Floripa para engajar e trocar conhecimento entre as “meninas” da área de TI.

Ainda sobre eventos….

O GUTSC está ressurgindo, que bacana!!! E já tem várias formas de acompanhar nas Redes Sociais, segue:

E o primeiro evento também está agendado, vai ser agora em Janeiro, dia 23 na CESUSC. Bora lá?  =D

Inscreva-se!

 

 

Lean Software Testing : 1. As raízes do Lean

Depois da apresentação da Palestra “Lean Software Testing” no evento OctoberTest, algumas pessoas entraram em contato para saber um pouco mais sobre o assunto. Então decidi escrever 3 posts iniciais: “As raízes do Lean”, “Lean Software Development” e “Lean Software Testing”. Este é o primeiro post da série.

Continuar lendo

Lean-Agile Software Testing na OctoberTest

O evento OctoberTest (http://www.octobertest.com.br/) aconteceu no sábado passado aqui em Florianópolis e contou com grandes profissionais da área de Testes!

Foi excelente participar e assistir as palestras com grandes profissionais como Marcelo Andrade, Marcos Bicalho, Kleitor Franklin, Willian Reis, Thiago Cordeiro, Roberta Lingnau e José Correia!

Pude também participar, levando o Lean a  um Talk de 15 minutos falando sobre “Agile Lean Testing” e como podemos usar as raízes do Lean na área de Testes de Software. /

Falei um pouco também da experiência que temos tido na Resultados Digitais nos adequando ao processo de desenvolvimento Agile-Lean através do levantamento de cenários de Testes de Aceitação em paralelo ao desenvolvimento e como temos atuado como Agile Tester apoiando o time com todo o tipo de Testes, além de repassar conhecimento à equipe acerca da área de Testes e aprender muito com as Specs funcionais do Ruby.

Tem sido uma experiência gratificante! =D

Aliás, agradeço em especial ao Elias Nogueira por estar lendo meu blog (fico extremamente honrada!) e agora tenho ainda mais motivos para CAPRICHAR!  =D

Segue a apresentação no evento: